Cinema industrial em um universo multifacetado

Convidados:

Com Luiz Noronha (A Fábrica), Mayra Lucas (Glaz Entretenimento), Iafa Britz (Midgal Filmes), Viviane Ferreira (realizadora e diretora da Spcine), Marcus Ligocki.

Mediação: Ana Paula Sousa

Data e Hora do Evento:

8 de dezembro, de 16h30 às 18h30 No Zoom (sem inscrição prévia).

RELEASE

Qual será o espaço das salas de cinema e das plataformas para o audiovisual, como fomentar criação e novas linguagens em um futuro de cinema comercial e cinema autoral, o que o público quer ver, o que as plataformas têm a ver com isso, quem financia e decide o que vamos ver.

Viviane Ferreira

Diretora-presidente da Spcine
Viviane Ferreira é diretora-presidente da Spcine, empresa de fomento ao audiovisual da Prefeitura de São Paulo. Mestre em Comunicação pela Universidade de Brasília, presidiu a Comissão de Seleção Brasileira 2021 do Oscar, que escolhe o representante brasileiro na Academia. Seu curta O dia de Jerusa (2014) foi selecionado para o Cannes Short Film Corner e posteriormente se tornou o longa-metragem Um dia com Jerusa (2020).  É fundadora da Odun Filmes e uma das fundadoras da APAN, Associação Brasileira dos Profissionais Negros da Indústria Audiovisual. Em 2021, foi nomeada pelo Most Influential People of African Descent (MIPAD) como uma das 100 afrodescendentes mais influentes do mundo.

Iafa Britz

Produtora com reconhecimento no mercado audiovisual há mais de 20 anos, Iafa Britz está por trás de grandes produções nacionais. Pela Migdal Filmes, empresa onde atua desde 2010, produziu a trilogia Minha mãe é uma peça (2013, 2016 e 2019), que levaram juntos mais de 27 milhões de pessoas aos cinemas. Tem em seu currículo a produção da comédia Carlinhos e Carlão (sucesso no Amazon Prime Video); o premiado Casa Grande, Irmã Dulce, Linda de morrer e Nosso Lar (em parceria com a Cinética Filmes), além do documentário musical Cássia Eller. Em 2020 lançou o aclamado M-8 – Quando a morte socorre a vida.

Luiz Noronha

Jornalista e escritor carioca, Luiz Noronha é produtor de mais de 20 longas-metragens e de cerca de 60 programas e séries de TV. Entre as séries, Vai Que Cola, Geleia do Rock, A Segunda Vez e Uma Rua Sem Vergonha (Multishow);  Detox do Amor, Alternativa Saúde, Os Homens são de Marte, Surtadas na Yoga, (GNT); Detetives do Prédio Azul (Gloob); Viver para Contar (Discovery Channel), Laboratório de Estilo (Discovery Home and Health), Mandrake e Hoje é Dia de Música (HBO). Co-criador e produtor das séries Amor Veríssimo (GNT), Magnífica 70 (HBO) e Terra Prometida (animação, TV Cultura). Entre os longas, é o roteirista e produtor de Vai que cola – O filme, corroteirista do longa Sob pressão (que deu origem à série), além de ter produzido filmes como Dois filhos de Francisco, A Mulher Invisível, Minha vida em Marte e Não vamos pagar nada. No streaming, produziu os longas Modo Avião e Pai em dobro, para Netflix. Idealizador, produtor e diretor da série original Galera FC em parceria com a Warner Media (TNT).

Marcus Ligocki Júnior

Ligocki é diretor, produtor e roteirista, tendo produzido sete longas-metragens, premiados nacional e internacionalmente. Entre eles estão Rock Brasília – Era de ouro, de Vladimir Carvalho, O último cine drive-in, de Iberê Carvalho, Candango – Memórias do festival, de Lino Meireles, e Pureza, de Renato Barbieri. Como sua estreia na direção, realizou a comédia romântica Uma loucura de mulher.

Mayra Lucas

Produtora e CEO da Glaz Entretenimento, Mayra Lucas possui grande expertise em criação de conteúdos, estruturação financeira, produção e distribuição de live action e animação. Focada em fazer conteúdos que tragam divertimento, pertencimento e reflexão  ao público brasileiro, é responsável pela série De volta aos 15, estrelada por Maísa, com estreia prevista para 2022 na Netflix, e por sucessos como Caso Evandro, Cabras da peste, Historietas assombradas, Tô ryca!, Cine Holliúdy, entre seus mais de 50 projetos já realizados. Como CEO da Glaz, cuida da governança, investidores e relações institucionais, visando o bem-estar das pessoas que na Glaz trabalham, segurança dos parceiros comerciais e talentos criativos, tendo como base a transparência em todos os elos da Companhia, sempre com foco na qualidade dos projetos e o objetivo final de encantar a audiência de todas as idades.

Ana Paula Sousa

Ana Paula Sousa é jornalista, doutora em Sociologia pela Unicamp e mestre em Indústrias Culturais e Criativas pelo King’s College, de Londres. É editora de cultura da revista CartaCapital e tem reportagens e análises sobre o setor cultural publicadas nos principais veículos do País – Folha de S.Paulo, O Globo, Valor Econômico e Piauí, entre eles. Coordena o Fórum Mostra Internacional de Cinema de S. Paulo, participa da curadoria do É Tudo Verdade e colabora para a Filme B.

NEWSLETTER

Cadastre seu e-mail em nossa newsletter e fique por dentro das novidades do Festival.